Em busca do amor ideal

1300840651146_f_largeMuitos casamentos acabam, não porque alguém esteja fazendo algo de errado, mas sim, devido à expectativas que nos foram repassadas.

Aprendemos com os filmes de amor, que quando um casal se ama, casa-se e vive feliz para sempre. Porém não nos avisaremos também que existem dificuldades do dia a dia, problemas familiares, profissionais e problemas de convivência.

Durante o período de namoro, certos comportamentos que nos desagradam costumam ser relevados. Tanto o homem como a mulher acham que vão mudar o outro, depois que casarem.

Na verdade ninguém muda ninguém e tentar mudar o outro talvez leve o fim do casamento.

Esperar que a outra pessoa seja como gostaríamos que fosse é pura ilusão. Todos temos defeitos e as diferenças sempre vão existir. Homens e mulheres são diferentes; pensam de modo diferente e agem diferentes. Aceitar as diferenças e respeitar a privacidade do outro é o segredo para um bom relacionamento. Devemos evitar olhar demais para os defeitos dele ou dela. Se esbarramos neles não devemos prestar tanta atenção. Devemos sim, olhar e prestar atenção nas qualidades.

Para sermos bem sucedidos em nossos relacionamentos, temos que aceitar e compreender as diferenças. Às vezes o amor flui fácil e automaticamente, outras vezes requer esforço.

Amar é um sentimento que aflora e míngua. Portanto, deve criar uma atmosfera que permite que o amor continue a fluir. Amar é a parte fácil da relação. Mas, é importante se empenhar para nutrir esse sentimento.

Saber respeitar a individualidade, esse esforço privado que existe dentro de cada um de nós, é o segredo para que um relacionamento seja saudável e duradouro.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *