Qual é o tipo de homem ideal?

homem idealHoje, muitos homens se sentem inseguros com a nova mulher. Com isso, não sabem como se comportar e acabam tendo algumas atitudes que fazem com que elas se afastem.

Por isso, é importante saber que elas querem ser respeitadas e reconhecidas acima de tudo. As mulheres de hoje não querem homens durões, assim como não querem homens sem firmeza. Querem alguém que tenha características masculinas (corajosos e batalhadores) e femininas (compreensivo, sensível, amoroso). Não querem um homem que só mostra troféus, que só abre sucessos, querem um homem que fale de seus medos e de suas inseguranças.

11 thoughts on “Qual é o tipo de homem ideal?

  1. Não me parece crível a afirmativa de que mulheres desejam um homem sensível, que fale de seus medos e de suas inseguranças.
    O que tenho encontrado na agência são pessoas com muitas ilusões, desejando um “conto de fadas” muito aquém da realidade.

  2. OLA…SABE ACHO QUE TEMOS QUE CONHECER MAIS PESSOAS..CONVERSAR/SENTIR O OUTRO SEMPRE..
    ANTES DE SE JOGAR …NA MINHA OPINIAO VALE
    TER CAUTELA….OBG

  3. Infelizmente as mulheres dizem a acham que querem um homem à moda antiga Romântico e tudo mais, sou assim e sou casado, mas minha mulher não me dá o devido valor, reclama por nada e não me dedica carinho e amor suficientes. Me arrependo de ter casado, pois no fundo os que levam vantagem são os cafajestes e nós românticos somos tachados de frescos e só tomamos chifres. Me sinto muito carente mesmo casado, mas acho que tudo isso é ilusão perda de tempo pense um milhão de vezes antes de casar, pois estou atado em uma situação conflitante onde sofro muito, se pudesse voltar no tempo abandonaria ela altar e sairia feliz da vida, sorrindo por não ter feito a burrada que fiz. Amar e não ser amado a altura dói demais machuca a alma, talvez seja pior que a solidão pois num casamento você investe sua vida por completo e na solidão não se investe nada. Sou apaixonado há dez anos, mas nunca tive reciprocidade.

    • Sirius seu comentário me tocou muito.
      Como entender que pessoas passam a vida infelizes, e não tentam modificar essa situação. Não é justo para nenhum dos dois, devem se libertar dessas correntes, que estão arrastando a vida toda… A vida é muito curta para não ser vivida na sua plenitude…
      Coragem…

  4. Agora quero me reportar à Sheila Rigler cuja entrevista, fiz há mais ou menos 1 ano, achei-a muito simpática, mas devo confessar que deve ter me esquecido. Estou aguardando…
    Abraços
    Jozzi (joseli)

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *