Divórcios aumentam depois das férias

Divórcios aumentam depois das férias

Um estudo realizado na Universidade de Washington, realizado entre 2001 e 2005, constatou que nos meses de março e agosto o número de divórcios aumenta significativamente. Resultados preliminares em Ohio, Minesota Florida e Arizona mostram que nestes meses o índice de divorcio também atingiu o seu ápice. Os pesquisadores de todas as Universidades, concluíram que os períodos seguintes às férias tendem a trazer a casais que enfrentam as crises no relacionamento, a sensação de que as resoluções de ano novo não foram atendidas, porque nada mudou. No Brasil, segundo estatísticas do Colégio Notarial do Brasil (CNB), entidade que congrega os cartórios de notas, o número de pessoas que se divorciaram no mês de agosto foi o mais elevado do ano de 2016.

Analisando os estudos realizados pelas Universidades Americanas, podemos concluir que o mesmo fenômeno acontece no Brasil, julho mês de férias, agosto mês de divórcios… se vocês estão enfrentado crises no casamento, procurem ajuda, pois as férias de final de ano estão se aproximando.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *